Ombudsman

Aos meu fiéis leitores, peço desculpas pelos dias sem atualizar. Tenho já quase 10 textos esboçados que me vieram à cabeça de repente, e não pude deixar de correr ao computador, rapidamente, para anotações preliminares que não me deixariam esquecer o que pensei.

Acontece que, em meio às últimas horas de um longo trabalho de transcrição de áudio (enquanto o blog não dá dinheiro, tenho que fazer isso, oras!), e às primeiras horas da confecção de duas monografias do meu curso de mestrado (ela sabe que jájá vai ter trabalho…), tive que deixar o meu jazz em silêncio por esses dias. Aí, hoje, vi no gráfico das estatísticas que ninguém entrou no blog nos últimos dois dias, e me bateu aquela amargura, aquela carência cibernética.

Eu, ocupadíssimo

Então, botei aí abaixo um conto do Muniz Sodré pra rolarem algumas notas, algumas batidas. E que sonzeira que é esse conto! A literatura não é a seara principal de Muniz, mas ele fez algumas belas peças, como essa abaixo. Em breve vão pintar por aqui amostras grátis de textos dele da parte de estudos de diáspora africana – com ótimos e esclarecedores comentários meus, grátis também.

Eu não vou nem linkar as referências de Muniz porque ainda vou improvisar tanto sobre ele por aqui que, sinceramente, vocês só não vão se cansar porque, quem conhece Muniz Sodré um dia, não se sacia nunca mais.

Anúncios

1 Response to “Ombudsman”


  1. 1 g. 18/08/2009 às 18:49

    ei, cadê atualizações?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




oquê, caboco!

quando chegar a um milhão, eu fecho o blog.

  • 42,746

escreva seu e-mail no campo abaixo

Junte-se a 8 outros seguidores

quer falar comigo, ném?

meu jazz @ gmail . com

———————————————-


%d blogueiros gostam disto: